Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

embriaguez_lunática

embriaguez_lunática

...#1

Foram tempos diferentes, compassos perdidos no meio da multidão, foram janelas fechadas e portas trancadas. Foram dias e noites a correr para te alcançar, foram montanhas e planícies de sonhos inalcançáveis. Já não poderíamos ser mesmo nada, se nada quisemos ser um para o outro. Agora, tu ai escondido no teu abrigo e eu embrulhada na imensidão deste meu vazio, questionamos-nos se foi esse o melhor trilho. Temo que não tivesse sido, porem foi o que escolhemos e será esse que nos transportará para o futuro. Lamentar é fútil, sem preceito. Viver na ilusão do que poderia ser…essa sim será a maior prisão de um Homem, e esse itinerário não será meu. A ti, deixarei espaço no coração, pois é inevitável que te carregue nele. Mas dai a persistir, vai uma grande distancia. O que tiver que ser, será.

2 comentários

Comentar post