Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

embriaguez_lunática

embriaguez_lunática

Invasão#3

Quando julgo que esta loucura paralisou com tanta inercia e que para sempre partiste em busca de um novo sonho, vens e empurras-me. Fazes-me tropeçar novamente, e eu ainda embriagada por um desejo que não se explica, volto a sonhar-te. E neste paradoxo de sentir, volto a acreditar que podemos ser felizes. Caminho na tua direcção e tu num toque de magia vens e trazes contigo toda a ambição de me querer. Num beijo único e profundo os nosso lábios encontram-se e agora não mais se querem largar, mas de repente desperto para um novo amanhecer, e tu não estas lá, o beijo foi um sonho curto, um desejo inconsciente. A ânsia de te encontrar levantou-se comigo esta manha, o desejo caminha ao meu lado, a esperança renasceu no meu coração, talvez hoje seja o dia, talvez… 

 

2 comentários

Comentar post