Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

embriaguez_lunática

embriaguez_lunática

não era amizade

Um dia senti que não era amizade, percebi que o teu olhar me enchia a alma. A tua respiração causava-me arrepios mesmo sem a sentir. A tua voz percorria o meu corpo e beijava-me sem sequer me tocar. Um dia, por mais difícil que fosse tive que admitir que não era amizade. Era mais, muito mais, e porquê? Perguntava eu. E porquê? Perguntaste tu. Era a nossa oportunidade de mostrarmos como queríamos ambos o mesmo. Mas recuaste, presumo hoje que na verdade não querias. Não te cabe o peso que carregava nesse dia, não calculas a doze de coragem que tive que ingerir, não digo em vão, porque hoje estou mais leve. Agora vives na dúvida, já eu fiz o que o meu coração pediu. Hoje continuo a sonhar contigo, certamente desapropriado, no entanto fui capaz de admitir, por mais parvo que fosse o meu sentir. Seguimos em frente cada qual em seu destino, todavia como sempre...cordiais amigos.

2 comentários

Comentar post