Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

embriaguez_lunática

embriaguez_lunática

Pensamentos_lunáticos#4

Tens um dom que nem tu mesmo comandas, se ou menos noção tivesses do estrondo que me provocas, se ou menos tivesses perceção de como te quero num abraço sem fim, num beijo inacabado. Esse poder da tua voz que perturba o meu ser, assim como uma borboleta perturba um coração disfarçado de estomago, o teu sorriso inquieta-me, fazes a delícia do meu dia, bebes do mesmo desejo que eu, sabes perder-te em mim, e depois pedes-me para não tomar mais deste sentimento quando és tu que me dás de beber.

 

2 comentários

Comentar post