Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

embriaguez_lunática

embriaguez_lunática

És_*

Existem ligações inseparáveis, ligações que vão continuar perfeitas mesmo sem se tocarem, existem pessoas que te vão acompanhar para sempre, mesmo que não caminhem do teu lado, existem momentos que te farão companhia por tempos infinitos. E Tu És a pessoa que me irá acompanhar para sempre, És aquele abelhudo que me trás consigo, mesmo que seja impossível, És aquele que colocas um sorriso nos meus lábios, mesmo nos dias em que somente as lágrimas teimam em cair; És aquele que me entende com um olhar, És a medida perfeita para mim, És a loucura que perdi, És aquele que que me amou pela essencia do que sou, e não pelo corpo fui, és a magia que um dia criamos, És o desejo que nunca se perdeu, És um passado lindo, um presente falhado, e um futuro que quero viver. És a vela no escuro, És o doce no meio do amargo, És o pássaro que libertei, És o mesmo pássaro que nunca quisera voar e eu forcei. És a alegria no fundo da tristeza, és a boca que beijei, os lábios que deixei, o sorriso que perdi.

E serás sempre o Homem que eu amei…amo...amarei...

Quando o passado retorna...

Andei metade da minha vida a tentar arrumar um passado muito feliz, no entanto carregado de mágoas, andei a vacinar-me contra ele, ganhei anticorpos, e de repente o passado apresenta-se no presente, e como se nada fosse disse: voltei, aqui estou eu de novo para te atormentar. Agora pergunto eu, com as gavetas todas arrumadinhas, com tudo organizado, chegas e desarrumas tudo de novo, vens e queres levar-me contigo, sem destino traçado, sem compromisso marcado, o que pretendes? Chegaste e já causaste um Tsunami na minha vida. Não podes, não poderei conceder-te esse poder. Já passaram muitos anos, tudo mudou…o passado não será igual no presente, nunca…e o pior de tudo, é que quando o passado retorna ainda mexe muito comigo.

Uma mistura agridoce

Uma mistura agridoce, uma sensação de inacabada, um desejo incompleto, uma fórmula imprecisa. Éramos um abrigo primoroso, que fazia a delicia de ambos, éramos o segredo guardado num coração congelado. Fomos saudade e lembranças, éramos o ontem e o hoje, sem nunca termos sido um amanhã. Agora nada somos, mesmo que a vontade seja gigantesca, haverá sempre um motivo que bloqueia, haverá sempre uma condicionante que nos fará recuar. E perdidos iremos continuar, eu embriagada pelo desejo que carrego, na anseia de um beijo prometido, de um toque anunciado e de um olhar marcado pela saudade que caminha ao meu lado, já tu, iras culpar-me eternamente pelo desperdício deste amor, pelas escolhas, pelas atitudes e falta delas…

Pensamentos_lunáticos#3

Percorri os caminhos mais estranhos no impulso de te alcançar, mas por infortúnio sempre andaste um passo a frente do meu, ou talvez um passo atras, de outro modo sempre estivemos desalinhados, não existe duvida alguma. Procurei-te no sonho, onde sempre nos amamos em compassos estáveis, mas nem ai habitavas. Provavelmente andas ocupado com coisa pouca, somente para não te lembrares de mim…

Não ata nem desata!

Provavelmente és a maior insensatez, naturalmente o maior absurdo, com certeza és a maior loucura, és uma terrível embriaguez lunática, de um sentir que se apoderou de mim, e por mais que renegue não me permite ficar sóbria. Por mais que me afaste, por mais que não te procure, vens e tudo trazes á tona novamente. Não ata nem desata! A definição que melhor se encacha em nós. Tens um sorriso que me move, um olhar que me beija, um toque que me paralisa, conheces sem a menor dúvida qual a melhor forma de mergulhar no meu ser, vieste somente para provar que certezas absolutas não existem, são meras analogias com qualquer evidência.

uma das mais belas flores do meu jardim

Em tempos de um espinho criei uma flor, uma flor que não deu frutos, todavia era a flor mais linda deste universo. Por opção não a quis arrancar, pois assim deixaria de crescer, e logo perderia o seu perfume e toda a sua singularidade, preferi seguir e deixa-la crescer linda e maravilhosa. Hoje passado muitos anos voltei a falar com essa flor...já crescida, já com frutos, com outras flores belas a sua volta. Orgulhosa me senti, por ter deixado livre uma linda flor no meu jardim. Não é minha essa bela flor, mas estará sempre em mim.  

Invasão#3

Quando julgo que esta loucura paralisou com tanta inercia e que para sempre partiste em busca de um novo sonho, vens e empurras-me. Fazes-me tropeçar novamente, e eu ainda embriagada por um desejo que não se explica, volto a sonhar-te. E neste paradoxo de sentir, volto a acreditar que podemos ser felizes. Caminho na tua direcção e tu num toque de magia vens e trazes contigo toda a ambição de me querer. Num beijo único e profundo os nosso lábios encontram-se e agora não mais se querem largar, mas de repente desperto para um novo amanhecer, e tu não estas lá, o beijo foi um sonho curto, um desejo inconsciente. A ânsia de te encontrar levantou-se comigo esta manha, o desejo caminha ao meu lado, a esperança renasceu no meu coração, talvez hoje seja o dia, talvez… 

 

Vem#Vamos#

Aqui sente-se enxuto o amor, sedento de um beijo que guardo em mim, um beijo que jamais foi trocado, ainda assim outrora concretizado. Espero por ti no mesmo lugar, uma sala fria onde os sentimentos se congelam. Preservo o que sinto involuntariamente, aquilo que queria não ocorre, aquilo que tu queres não sucede, somente o sentimento é real. E se assim o é, porque não o libertar, sem manipular. Se não o conseguimos dominar, que seja ele a comandar. Vem, vamos deixar que fale por nós. Talvez assim possamos nos abraçar, e o tao esperado beijo incorporar.

 

 

 

Talvez#

Talvez a ternura que procuro, se esvazie no silêncio das tuas palavras, talvez o sonho que guardo seja uma mera miragem do oásis num coração seco. Talvez não haja nada para entender, talvez não exista sentimento algum, talvez o que eu quero seja o oposto de ti, talvez esta inquietação seja somente o desejo de um beijo teu. Talvez queiras saber com certeza absoluta quanto te quero. Talvez essa certeza não seja de mim que devas ter, talvez seja eu apenas uma gosta no teu mar, e tu…hoje talvez sejas uma gota no meu olhar.